Print this page

RMG – O pôster da Santidade da Família Salesiana 2020

07 julho 2020

(ANS - Roma) - A Postulação Salesiana inclui 173 santos (9), beatos ou bem-aventurados (118), veneráveis (17), servos de Deus (29). As causas acompanhadas diretamente pela Postulação são 55. Além disso, a Postulação acompanha as causas do Venerável Camillo Costa de Beauregard, sacerdote da diocese de Chambery (França); de Casimiro Barello Morello, terciário franciscano, peregrino entre a Itália e a Espanha; de Augusto Bertazzoni, Arcebispo de Potenza; e do Servo de Deus Felice Canelli, sacerdote da diocese de São Severo e Salesiano Cooperador.

“É necessário expressar profunda gratidão e louvor a Deus pela santidade já reconhecida na Família Salesiana (FS) de Dom Bosco e por aquela em fase de reconhecimento. O êxito de uma causa de Beatificação e Canonização é um evento de extraordinária relevância e valor eclesial. Trata-se, de fato, de discernir a fama de santidade de uma pessoa batizada, que viveu as bem-aventuranças evangélicas em grau heroico ou que deu sua vida por Cristo. De Dom Bosco até os dias atuais, reconhecemos uma tradição de santidade que merece atenção, porque encarna o carisma que dele se originou e que se expressou em pluralidade de estados de vida. São homens e mulheres, jovens e adultos, consagrados e leigos, bispos e missionários que, em contextos históricos, culturais e sociais diferentes, no tempo e no espaço, fizeram brilhar o carisma salesiano com uma luz singular, representando um patrimônio que desempenha um papel eficaz na vida e na comunidade dos fiéis e para homens de boa vontade" – afirma o P. Pierluigi Cameroni, Postulador Geral.

Merecem lembradas as Causas iniciadas em 2019 e 2020 relativas aos Servos de Deus: P. Luigi Bolla (1932-2013), missionário salesiano entre os povos indígenas do Equador e Peru; P. Silvio Galli (1927-2012), sacerdote salesiano testemunha da compaixão de Cristo pelos marginalizados, pelos pobres; Vera Grita (1923-1969), Salesiana Cooperadora, com a Obra dos Tabernáculos Vivos; Madre Rosetta Marchese (1922-1984), Filha de Maria Auxiliadora, Superiora Geral, testemunha de uma maternidade espiritual no dinamismo misterioso do sofrimento; Dom Giuseppe Cognata (1885-1972), Bispo salesiano de Bova e fundador das Salesianas Oblatas do Sagrado Coração, companheiro generoso de Cristo Redentor em provação e humilhação.

Neles, reluz o que o Catecismo da Igreja Católica descreve quando se menciona a santidade cristã: O progresso espiritual tende para a união cada vez mais íntima com Cristo. Esta união chama-se «mística», porque participa do mistério de Cristo pelos sacramentos – «os santos mistérios» – e, n’Ele, no mistério da Santíssima Trindade. Deus chama-nos todos a esta íntima união com Ele, mesmo que graças especiais ou sinais extraordinários desta vida mística somente a alguns sejam concedidos, para manifestar o dom gratuito feito a todos. (n. 2014).

Um agradecimento especial a Andrea Cugini, da Escola Gráfica Salesiana de Milão, por ter criado e realizado o pôster.

Pode descarregar o cartaz em formato .jpg e .pdf simplesmente clicando nas entradas correspondentes na parte inferior da página.

Este sítio utiliza ‘cookies’ também de terceiros, para melhorar a experiência do usuário e para fins estatísticos. Escorrendo esta página ou clicando em qualquer de seus elementos, aceita o uso dos ‘cookies’. Para saber mais ou negar o consentimento, clique na tecla "Mais informações".